domingo, 17 de abril de 2016

Saída de Observação de Aves em Tamanduá - Marques de Souza

           Neste domingo realizamos a saída a campo mensal do COA Vales. Foi um dia de contato com a natureza, rever os amigos e tirar o pé do acelerador. Foi um dia para aproveitar bons momentos e curtir o que a natureza nos oferece.
            A "passarinhada" contou com a presença de 6 integrantes do COA Vales (Alexandre, Astor, Cleberton, Gabriela, Morci e Samuel) além de dois amigos que vieram de Bom Princípio (Carlos e Eduardo). Nossa saída aconteceu em duas partes, manhã e tarde.
           Durante a manhã fomos para Tamanduá, em Marques de Souza, conforme trajeto especificado na figura 1. A área escolhida fica na encosta e apresenta vegetação em diferentes estágios, estando em alguns lugares em estágios avançados e outras em estágios iniciais de regeneração.
Figura 1: Localização e caracterização do local onde realizamos a observação na parte da manhã.
           Durante a manhã encontramos 71 espécies, sendo que ficamos das 7h até às 11h15min observando. A manhã rendeu poucas fotografias, mas os "bichanos" vocalizavam muito instigando nossos ouvidos.
Figura 2: Poecilotriccus plumbeiceps (tororó) dando o ar da graça, aliás, dando mole pra foto. Foto: Cleberton Bianchini

Figura 3: Picumnus temminckii (pica pau anão de coleira). Mais um dando muito mole para fotografia, foram poucas fotografias, mas que valeram. Foto: Cleberton Bianchini.
           Não foram muitas fotografias, ao menos da minha parte, mas os fulanos deram muito mole em vários momentos. Fomos presenteados com instantes de pura graça, como o caso do P. temminkii acima, que ficou por vários segundos se alimentando em um galhito seco.
          Abaixo segue a lista de espécies observadas em Tamanduá.

NOME DO TÁXON NOME COMUM
Tinamidae
Crypturellus obsoletus inambuguaçu
Charadriidae
Vanellus chilensis quero-quero
Columbidae
Columbina talpacoti rolinha
Columbina picui rolinha-picuí
Patagioenas picazuro asa-branca
Cuculidae
Piaya cayana alma-de-gato
Crotophaga ani anu-preto
Trochilidae
Stephanoxis lalandi beija-flor-de-topete-verde
Leucochloris albicollis beija-flor-de-papo-branco
Trogonidae
Trogon surrucura surucuá-variado
Alcedinidae
Megaceryle torquata martim-pescador-grande
Picidae
Picumnus temminckii picapauzinho-de-coleira
Veniliornis spilogaster picapauzinho-verde-carijó
Colaptes campestris pica-pau-do-campo
Falconidae
Milvago chimachima carrapateiro
Psittacidae
Triclaria malachitacea sabiá-cica
Thamnophilidae
Dysithamnus mentalis choquinha-lisa
Thamnophilus ruficapillus choca-de-chapéu-vermelho
Thamnophilus caerulescens choca-da-mata
Batara cinerea matracão
Mackenziaena leachii borralhara-assobiadora
Drymophila malura choquinha-carijó
Conopophagidae
Conopophaga lineata chupa-dente
Formicariidae
Chamaeza campanisona tovaca-campainha
Dendrocolaptidae
Sittasomus griseicapillus arapaçu-verde
Furnariidae
Furnarius rufus joão-de-barro
Philydor rufum limpa-folha-de-testa-baia
Synallaxis ruficapilla pichororé
Synallaxis cinerascens pi-puí
Synallaxis spixi joão-teneném
Tityridae
Schiffornis virescens flautim
Pachyramphus viridis caneleiro-verde
Pachyramphus castaneus caneleiro
Pachyramphus polychopterus caneleiro-preto
Cotingidae
Carpornis cucullata corocoxó
Platyrinchidae
Platyrinchus mystaceus patinho
Rhynchocyclidae
Leptopogon amaurocephalus cabeçudo
Phylloscartes ventralis borboletinha-do-mato
Tolmomyias sulphurescens bico-chato-de-orelha-preta
Poecilotriccus plumbeiceps tororó
Tyrannidae
Pitangus sulphuratus bem-te-vi
Megarynchus pitangua neinei
Vireonidae
Cyclarhis gujanensis pitiguari
Hylophilus poicilotis verdinho-coroado
Corvidae
Cyanocorax caeruleus gralha-azul
Troglodytidae
Troglodytes musculus corruíra
Turdidae
Turdus leucomelas sabiá-branco
Turdus rufiventris sabiá-laranjeira
Turdus amaurochalinus sabiá-poca
Passerellidae
Zonotrichia capensis tico-tico
Parulidae
Setophaga pitiayumi mariquita
Basileuterus culicivorus pula-pula
Myiothlypis leucoblephara pula-pula-assobiador
Icteridae
Cacicus chrysopterus japuíra
Thraupidae
Pipraeidea bonariensis sanhaço-papa-laranja
Tangara sayaca sanhaço-cinzento
Sicalis flaveola canário-da-terra
Haplospiza unicolor cigarra-bambu
Hemithraupis guira saíra-de-papo-preto
Tachyphonus coronatus tiê-preto
Dacnis cayana saí-azul
Coereba flaveola cambacica
Saltator similis trinca-ferro
Saltator maxillosus bico-grosso
Microspingus cabanisi quete-do-sul
Pyrrhocoma ruficeps cabecinha-castanha
Cardinalidae
Habia rubica tiê-de-bando
Fringillidae
Spinus magellanicus pintassilgo
Euphonia chlorotica fim-fim
Euphonia chalybea cais-cais
Chlorophonia cyanea gaturamo-bandeira
Figura 4: Participantes da observação na parte da manhã em Tamanduá. Presentes (da esquerda para direita) Cleberton, Gabriela, Carlos, Eduardo, Morci, Samuel e Astor.
        Após encerarmos as atividades em Tamanduá, rumamos para um almoço. Depois, alguns integrantes seguiram para o Morro Leão, no município de Capitão. Durante a tarde avistamos cerca 31 espécies encerando as atividades por volta das 17h.
          Foi um bom dia de observação, realizamos várias observações, escutamos várias melodias diferentes, avistamos muitas cores e comportamentos, além de, chegarmos em casa com o corpo cansado mas a mente e a alma leves por mais um dia fazendo o que gostamos. Obrigado amigos pela maravilhosa companhia. Até a próxima......

7 comentários:

  1. Valeu o convite para participação neste evento. Att

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nós é quem agradecemos a ilustre presença de vocês

      Excluir
  2. que maravilha pessoal, temos q organizar uma saída em parceria com o nosso grupo aqui do Planalto Médio, grande abraço a todos e bons registros!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estamos nos organizando Carlos, conforme conversamos, vamos fazer acontecer esta saída sim. Abração

      Excluir
  3. Na listagem de Tamanduá me chamou a atenção um tal de Microspingus cabanisi, que não consta da lista elaborada pelo Juliano Konze e publicada hoje. Alguém esclarece? Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Morci. A lista de espécies acima está baseada na nova lista de espécies do Brasil, ela foi atualizada este ano. Aquela lista do Juliano é a lista do Bencke e cria para o RS, é de 2010 e por isso deve ter vários nomes diferentes. O fulano que mencionar e o tico tico da taquari (poospiza cabanisi) que agora se chama Quete do Sul e tem esse nome científico. O wikiaves ainda não atualizou a lista é os nomes. Espero ter ajudado. Abraço

      Excluir
    2. Boa noite Morci. A lista de espécies acima está baseada na nova lista de espécies do Brasil, ela foi atualizada este ano. Aquela lista do Juliano é a lista do Bencke e cria para o RS, é de 2010 e por isso deve ter vários nomes diferentes. O fulano que mencionar e o tico tico da taquari (poospiza cabanisi) que agora se chama Quete do Sul e tem esse nome científico. O wikiaves ainda não atualizou a lista é os nomes. Espero ter ajudado. Abraço

      Excluir